Se é pra falar de amor


Se é pra falar de amor, eu verso!

Meu estro, exalta o amor pelo universo

Em busca das estrelas pelo astral

Meu verso se dispersa no plural

Amar é bem rimar sob o luar

Nos céus buscar motivos pra sonhar

Voar do norte ao sul, leste a oeste

Sair ao sideral pelo celeste

Viajando num cometa em sua cauda

passando pelos astros, sem ter baldas

Escrevo bem tranquilo sobre o amor

Poeta, a bem versar, Seu amor clama

Se amante o coração tem, sempre, em chama

Coloca com amor, o amor num andar!