» » Eu quero a sorte de um amor tranquilo

Eu quero a sorte de um amor tranquilo


Eu quero a sorte de um amor tranquilo com sabor de fruta mordida. Nós na batida, no embalo da rede, matando a sede na saliva. Ser teu pão, ser tua comida, todo amor que houver nessa vida, e algum trocado pra dar garantia.